NOTÍCIAS

In:

Bailarina plus size de ‘Paradinha’ elogia Anitta

Por MSN
Thais Carla ignora críticas e dispara: 'Tô nem aí!'

Thais Carla ignora críticas e dispara: ‘Tô nem aí!’

Anitta lançou há poucos dias o seu novo hit, “Paradinha” e se apresentou em seu programa no Multishow, o “Música Boa Ao Vivo”, na última terça-feira (6). A funkeira agitou o público ao cantar a recém-lançada música em espanhol, mas quem roubou a cena foi a dançarina plus size Thais Carla, agora reforçando o time de bailarinas da artista. Em conversa com o Purepeople, a nova integrante da equipe de Anitta vibra com a repercussão: “Tudo é fruto do quanto eu me empenhei para querer ser diferente. Não esperava esse apoio. Sempre levei meu trabalho assim: ‘vou fazer o máximo que eu posso e o que eu vier é fruto’. Eu não espero nada, dançar já me deixa grata”. Segundo Thais, ser bailarina não estava em seus planos. “Nunca foi um grande sonho meu. Sempre tiveram pessoas colocando negatividade”.

‘Superprofissional’, diz sobre relação com Anitta
Após algumas experiências profissionais – incluindo o prêmio de R$ 15 mil por vencer o quadro “Se Vira nos 30″, do “Domingão do Faustão”, aos 17 anos, e como dançarina fixa do “Legendários”, programa de Marcos Mion na Record – Thais recebeu o convite para trabalhar com a poderosa, atualmente divulgando “Paradinha” fora do Brasil. “A relação com Anitta é superprofissional. Acho que você tem que chegar de mansinho e ficar na sua”, opina. “Pelo que entendi, ela já me conhecida do ‘Legendários’ e eu dancei com ela ano passado no ‘Criança Esperança’, com um balé plus size. Ela gostou da ideia e, a partir daí, já fiz alguns trabalhos com a Arielle Macedo, que é coreografa e dançarina dela”, completa a jovem de 25 anos, destacando os quatro anos de trabalho com Mion como decisivo para sua carreira: “Foi minha fase de descoberta. Deu para amadurecer bastante”.

Bailarina plus size de Anitta ignora críticas
Pesando cerca de 140 kg, Thais afirma que isso não é problema para ela, que tem autoestima e muita disposição. “Não ligo para o meu corpo. Ame ou odeie e é isso! Para mim está de boa. Se eu emagrecer é porque estou com algum problema de saúde, algo assim, mas estética, não!”, avisa a bailarina, que afirma ignorar as críticas preconceituosas: “A melhor forma de lidar é fingir que é só uma opinião da pessoa e não vai valer de nada na sua vida. Pode me xingar, eu não to nem aí. Ninguém paga nada para mim”. Em seguida, Thais aconselha: “Se você não gosta do jeito que está, ou emagrece ou se aceite. É melhor se olhar no espelho e se perguntar: ‘é isso que eu quero? Como quero ser?’. Tente se amar e buscar o que quer. Eu decidi me aceitar. Mas para vencer, tem que ter uma estrutura, senão fica difícil. Devo tudo o que sou hoje à minha família”.

‘Tinha uns quatro anos quando comecei a dançar’
Thais lembra que ingressou na dança por causa de sua irmã. “Tinha uns 4 anos quando comecei. Depois, porque minha mãe queria que eu perdesse peso. Preocupação de mãe, né? Querer que a filha emagreça para não te problema de saúde. Mas eu falo: ‘mãe, missão não foi feita. Não deu certo!”, brinca, enfatizando o apoio da família com seu trabalho. “Nunca me deixaram desistir. Sempre disseram ‘vai lá, corre atrás e não para’. Eu sou uma pessoa muito ‘relax’ e a dança me deixou muito assim. Seu corpo, sua ‘vibe’, se você quer ser diferente, veste a camisa e vai!”.

(Por Rahabe Barros)

Compartilhe:
Tags:

Comente no Facebook

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com