;

NOTÍCIAS

In:

Hospitais do Açúcar e Universitário aderem ao Plano Estadual de Oncologia

Por João Victor Barroso
Assinatura dos contratos aconteceu nesta quarta-feira, na Secretaria de Saúde de Maceió

Assinatura dos contratos aconteceu nesta quarta-feira, na Secretaria de Saúde de Maceió

Os gestores dos Hospitais do Açúcar e Universitário Professor Alberto Antunes assinaram, nesta quarta-feira (20), os contratos de adesão ao Plano Estadual de Oncologia, lançado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) no dia 7 deste mês.

A celebração do contrato aconteceu no gabinete da Secretaria Municipal de Saúde de Maceió e contou com a presença dos secretários de Saúde do Estado e do município de Maceió, respectivamente Rozangela Wyszomirska e José Thomaz Nonô.

O Plano Estadual de Oncologia foi elaborado em acordo com a portaria 140 do Ministério da Saúde, que prevê a disponibilização de procedimentos a serem realizados pelas Unidades de Alta Complexidade em Oncologia (Unacons) e os Centros de Alta Complexidade em Oncologia (Cacons).

Com isso estão asseguradas a realização de 500 consultas especializadas, 640 exames de ultrassom, 160 endoscopias, 240 colonoscopias e retossigmoidoscopias, além de 200 exames de anatomia patológica.

De acordo com a titular da Sesau, Rozangela Wyszomirska, o Plano Estadual de Oncologia irá ofertar um atendimento e uma assistência mais humanizados e eficientes para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) acometidos por câncer em todo o Estado.

“Com a implantação do plano, que começou a ser elaborado no ano passado, a saúde do Estado ganha mais qualidade, ao garantir o diagnóstico da doença, que terá início na Atenção Básica de cada município e, caso o paciente tenha a suspeita de câncer, ele será encaminhado para um Cacon ou Unacon”, destacou.

O secretário de Saúde de Maceió, José Thomaz Nonô, parabenizou o empenho do Governo do Estado, que, segundo ele, não mediu esforços para construir o Plano Estadual de Oncologia.

“Esse contrato veio para melhorar o atendimento nessa área tão delicada que é a oncologia. Por meio dele iremos assegurar recursos e equipamentos para garantir a qualidade do atendimento aos pacientes do SUS, tanto de Maceió como dos demais municípios alagoanos”, salientou José Thomaz Nonô.

O diretor do Hospital do Açúcar, Edgar Antunes Neto, evidenciou a importância da integração que existiu entre a Sesau e a Secretaria de Saúde de Maceió, visando sempre à prestação dos serviços de qualidade para a população que necessita do SUS. “Somos parceiros e iremos dar a nossa contribuição para a execução do Plano Estadual de Oncologia”, assegurou o diretor.

A reitora da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Valéria Correia, que é mantenedora do Hospital Universitário (HU), salientou que iniciativas como o Plano Estadual de Oncologia são fundamentais para ampliação dos serviços do SUS.

“É necessário sempre priorizar projetos desta natureza, para que a população veja que os recursos estão sendo utilizados de forma correta e tendo resultados efetivos para a sociedade”, disse a reitora.

Recursos
O Plano Estadual de Oncologia viabilizará um incremento de R$ 19,5 milhões por ano para área oncológica. Cada unidade hospitalar irá receber uma parte dessa verba, de acordo com os serviços ofertados e o cumprimento das metas pactuadas.

Compartilhe:
Tags: ,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *