;

NOTÍCIAS

In:

Detran promove I Fórum do Plano de Segurança Viária para Motociclistas

Por Redação com Agência Alagoas
Acidentes com motocicletas representam 70% do total de atendimentos registrados na Unidade de Emergência do Agreste; abaixo o evento do I Fórum do Plano de Segurança Viária para Motociclistas. Divulgação e Ascom

Acidentes com motocicletas representam 70% do total de atendimentos registrados na Unidade de Emergência do Agreste; abaixo o evento do I Fórum do Plano de Segurança Viária para Motociclistas. Divulgação e Ascom

Desenvolver ações que colaborem com a redução no índice de acidentes com motociclistas é um dos principais propósitos do Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL). Com este intuito, foi realizado nesta terça-feira (8), na sede do órgão, o I Fórum do Plano de Segurança Viária para Motociclistas (PSVM), promovido pela chefia de segurança no trânsito do órgão.

Segundo dados do Detran/AL, os acidentes com motocicletas representam 70% do total de atendimentos registrados na Unidade de Emergência do Agreste em Arapiraca. O PSVM lançado no mês de maio deste ano, tem a meta de reduzir este índice e promover a mudança de comportamento da sociedade por meio de ações integradas de educação para o trânsito, engenharia de tráfego e fiscalização.

De acordo a analista da chefia de segurança no trânsito do Detran/AL, Edira Soares, o I Fórum do PSVM teve o objetivo de apresentar para a sociedade os primeiros resultados do plano e fazer uma explanação das propostas de ações que já estão sendo implantadas.

“O PSVM é um projeto integrado de fiscalização, educação para o trânsito e engenharia de tráfego. Com base nas estáticas de acidentes, estudos da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e na vivência dos profissionais da saúde com os acidentados, traçamos ações que colaborem com a redução desses índices e ajudem na preservação de vidas”, ressaltou a analista.

Durante o evento, o público contou com palestras de profissionais da saúde e da educação, onde foi possível esclarecer os principais questionamentos sobre o tratamento de pessoas que são vítimas de acidentes com motocicletas e construir ações que podem ser feitas a fim de melhorar o tráfego na cidade.

Na ocasião, o diretor-presidente do Detran/AL, Antônio Carlos Gouveia, assinou junto com os juízes do Juizado de Trânsito, Odilon Raimundo Maciel e Luciana Cavalcante, o protocolo de intenções em que a autarquia e o Tribunal de Justiça de Alagoas se comprometem em analisar e recepcionar todos os projetos ligados ao resgate, tratamento e assistência às vítimas de acidentes de trânsito. Os projetos serão encaminhados para o Tribunal de Justiça, os juízes irão analisar e, caso sejam aprovados, eles serão utilizados para penas alternativas.

Luciana Cavalcante enalteceu o trabalho que o diretor-presidente vem desenvolvendo a frente do Departamento de Trânsito e destacou a importância de gestores comprometidos com o bem-estar social.

“São a partir de ações como essas que o Detran está realizando que esperamos uma mudança de comportamento dos autores do trânsito, nas quais os condutores tenham a consciência e o respeito necessário. Tenho certeza de que a sociedade reconhece o trabalho e o esforço do diretor Antônio Gouveia em buscar melhorias para a sociedade”, assegurou Luciana.

O encerramento do evento foi marcado pelo lançamento da campanha “Capacete Solidário”, que tem a finalidade de incentivar que as empresas privadas e não governamentais façam a doação do equipamento de segurança, para serem usados durante as ações educativas do PSVM, mostrando a importância e diminuindo o fator cultural da não utilização do equipamento.

 

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *