;

NOTÍCIAS

In:

Prefeita Célia recebe projeto arquitetônico do Espaço Agapi

Por Redação com Web Arapiraca

O trabalho desenvolvido pela gestão da prefeita Célia Rocha, com as ações do Programa Arapiraca Garante a Primeira Infância (Agapi), está sendo fortalecido e consolidado a cada dia.

Na manhã desta quinta-feira (10), a prefeita Célia Rocha e a secretária de Planejamento, Cícera Pinheiro, e o secretário de Obras e Viação, Valdeir Galindo, receberam o projeto arquitetônico para a construção do Espaço Agapi, que será edificado em um terreno com mais de três mil metros quadrados de área no Bosque das Arapiracas.

projagapi2

A elaboração do projeto está a cargo da Maloka Escritório de Habitação Social, do Curso de Arquitetura do campus da Universidade Federal de Alagoas (Ufal).

projagapi4

O grupo responsável pela criação do projeto arquitetônico do Espaço Agapi é formado pelos professores Odair Moraes, Simone Romão e pelos estudantes Allan Oliveira, Acácia Bezerra, Bianca Pacheco, Camila Alves, Eduardo Albuquerque, Filipe Brian, Jader Petuba, João Soares, Kamylla Lisboa e Thamires Leonel.

A sede do Agapi terá moderna arquitetura, com três espaços infantis para bebês, crianças de um a três anos de idade e outro para meninos e meninas de quatro a seis anos.

Ainda de acordo com o projeto arquitetônico, o Espaço Agapi contará com total acessibilidade, salas de atendimento, reuniões, auditório para 110 pessoas, mirante, sala de formação, pátio, almoxarifado, banheiros, sala de administração, recepção, copa, entre outros departamentos, e uma sala onde será trabalhada a técnica da Shantala, uma massagem milenar indiana para os cuidados com as gestantes e bebês e para fortalecer ainda mais os vínculos entre mães e filhos.

Na ocasião, a secretária de Planejamento, Cícera Pinheiro, agradeceu mais uma vez o apoio da prefeita Célia Rocha e o trabalho realizado pelo grupo de professores e alunos do curso de Arquitetura do campus da Ufal em Arapiraca.

Ela adiantou que a construção do Espaço Agapi representa mais uma avanço da gestão nos cuidados com a primeira infância, com a especialização também em trabalhos lúdicos para ativar a percepção e o aprendizado das crianças e sua interação com o mundo à sua volta.

Cícera Pinheiro disse que a próxima etapa agora é buscar recursos em Brasília, para assegurar verba destinada à construção da sede própria do Agapi, que é uma referência de Arapiraca para todo o Brasil, tendo, inclusive, servido de modelo para o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, lançar o Programa Criança Feliz.

O projeto foi iniciado em agosto de 2013, e atua de forma multissetorial com apoio de várias secretarias municipais de governo em dez comunidades em situação de vulnerabilidade social.

O programa de apoio à primeira infância de Arapiraca conta com a parceria da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal (FMCSV), Universidade de Harvard, Fundo das Nações Unidas pela Infância (Unicef), Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), entre outras instituições.

O Agapi atua em Arapiraca com a mobilização de 21 equipes de saúde da família, 160 agentes comunitários de saúde, 24 creches, 36 escolas, sete bibliotecas digitais de bairro – as Arapiraquinhas -, oito centros de referência em assistência social e um Creas, atendendo mais de 19 mil famílias e 5.503 crianças até cinco anos de idade.

Compartilhe:
Tags: ,,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *