;

NOTÍCIAS

In:

Autor de atentado frustrado em Paris jurou lealdade ao Estado Islâmico, diz agência

Por Redação com G1

O homem envolvido em uma tentativa de atentado em Paris, nesta segunda-feira (19), jurou lealdade ao Estado Islâmico, segundo uma fonte próxima à investigação ouvida pela agência Reuters.

De acordo com a Reuters, Adam Dzaziri entregou uma carta ao seu cunhado, na qual declara seu apoio ao grupo terrorista, que controla parte da Síria e do Iraque.

O pai, a ex-esposa, o irmão e a cunhada de Dzaziri foram detidos na segunda após operações em sua residência na região de Paris, de acordo com uma fonte judicial da France Presse.

Dzaziri, de 31 anos, era muçulmano nasceu em Argenteuil, na região de Paris. Ele já era conhecido dos serviços de segurança, segundo a mídia francesa.

Ele jogou o carro que dirigia contra uma van da polícia francesa, e morreu no local. Fontes da France Presse afirmaram que ele transportava pistolas, um fuzil do tipo Kalashnikov e botijões de gás. A CNN afirma que a quantidade era suficiente para explodir o carro.

A zona do incidente, que foi cercada pela polícia, fica próxima ao Palácio do Eliseu, sede da Presidência francesa.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *