;

NOTÍCIAS

In:

Repaginado, Abril Indígena 2020 do Ifal Palmeira será realizado virtualmente

Por Monique de Sá

O Abril Indígena está com um formato diferente! Em cumprimento às orientações da Organização Mundial da Saúde indicando o isolamento social como forma de reduzir a transmissão do novo Coronavírus, o evento será realizado este ano de forma virtual, através de publicações no Instagram: @neabipin do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi) do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), campus Palmeira dos Índios.

Consolidado no calendário acadêmico, o Abril Indígena traz, para a comunidade, reflexões políticas e sociais sobre a cultura indígena, aproximando estudantes da história, tradição, costumes e artes indígenas. A todo ano uma nova temática e neste não poderia ser diferente: “Vidas Indígenas Importam”. A coordenadora do Núcleo e professora de Geografia, Fabiana Menezes, explica que o evento presencial já estava definido com data para 15 de abril.

“Infelizmente com essa ruptura da programação escolar, tivemos que reinventá-lo. A ideia criativa de fazer o Abril Indígena Virtual foi da professora e integrante do Neabi, Edneide Leite. Todos aderiram à sugestão e a programação está aberta para que professores tragam propostas de atividades”, diz Fabiana.

Para a docente, em tempos de quarentena, essa conexão com alunos e alunas se faz fundamental. “Temos vários docentes que se colocaram à disposição para participar. Nossa programação será coletiva e publicada semanalmente. O evento virtual já teve início com a análise da carta de Pero Vaz de Caminha, feita pelo professor de História, Thiago Rogério Bezerra”, ressalta.

A dica é ficar em casa e prestigiar todos os trabalhos desenvolvidos pelos docentes do Ifal Palmeira durante todo o mês para o Abril Indígena 2020. Não percam! Basta seguir o Instagram: @neabipin e conferir!

Confira a programação desta semana:

ABRIL INDÍGENA
Modo Virtual
Semana 1

06/04 – Análise da Carta de Pero Vaz de Caminha: a construção do arquétipo inicial do Índio Brasileiro (Professor Thiago Rogério Bezerra);

08/04 – Perspectivas atuais a respeito dos povos indígenas no Brasil (Professor Cássio Ferreira – Xukuru Kariri);

10/04 – Rappers indígenas: música, identidade e resistência (Professor Roberto Idalino)

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com