;

NOTÍCIAS

In:

Queda na Copa do Brasil preocupa Ponte: ‘Vai trazer dificuldades financeiras’

A Ponte Preta nunca negou que a prioridade em 2020 era o acesso à elite do Campeonato Brasileiro. E a eliminação na Copa do Brasil, na última terça-feira, para o América-MG, vai “contribuir” com isso, fazendo o time focar suas atenções apenas para a Série B.

Na segunda divisão, a Ponte tem 18 pontos nas dez primeiras rodadas e figura na terceira colocação, sendo apontada como uma das candidatas ao acesso. “A saída da Copa do Brasil vai nos trazer dificuldades financeiras, mas tem de ter equilíbrio nesse momento e saber que temos o principal objetivo a ser cumprido, que é a busca pelo acesso”, reforçou o treinador João Brigatti.

Mas a derrota para o América-MG, por 3 a 1, em Belo Horizonte (MG), não será esquecida. O treinador reconhece que o seu time teve uma péssima atuação e espera que isso traga lições para a Série B. Cobranças internas também vão acontecer.

“Eu não seria covarde de expor meus atletas publicamente. Eu cobro demais no dia a dia, e sempre procuro enaltecer meu elenco. Eu sou o comandante, eu sou o culpado. Nas vitórias é fácil bater no peito. Na derrota, todos perdemos também. A cobrança vai ser interna, pode ter certeza”, afirmou Brigatti.

No próximo domingo, a Ponte recebe o Confiança, às 20h30, no estádio Moisés Lucarelli, pela 11ª rodada da Série B. E tudo indica que o treinador vai fazer mudanças no time titular para voltar a apresentar um bom futebol, o que não acontece há algumas partidas.

O volante Luís Oyama recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Operário, no último final de semana, e está de fora. O zagueiro Luizão, o volante Dawhan e o meia Camilo ficam à disposição e devem retornar.

Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *