;

NOTÍCIAS

In:

Diteal recebe visita de estudantes pela primeira vez desde o início da pandemia

Por Paulo Canuto (estagiário), sob supervisão de Hannah Copertino

A atividade ficou suspensa durante um ano e cinco meses; retomada ocorre seguindo os protocolos sanitários

Olhares atentos, curiosos, telefones a postos, muitas selfies e vídeos marcaram a primeira visita presencial de estudantes a um dos patrimônios culturais de maior importância do Estado de Alagoas:  o Teatro Deodoro , desde o início da pandemia. Os alunos também puderam conhecer o Teatro de Arena Sérgio Cardoso e o Salão Nobre.

O privilégio da visita foi dos alunos do 9º ano da Escola Municipal Antônio Vieira da Costa, da cidade de Atalaia, em parceria com a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (Diteal). Desde de março de 2020, mês que foram suspensas as visitas por conta do Decreto Estadual para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

“É com muita emoção que recebemos a visita de uma turma de escola, depois de um ano e cinco meses com as visitas suspensas devido à pandemia. O Projeto Escola, realizado pela Diteal em parceria com educadores, desempenha um papel fundamental na formação de cidadãos. Neste momento, estamos com as visitas limitadas a 20 pessoas por grupo, como forma de prevenção à Covid-19, e tomando todos os cuidados em relação ao cumprimento dos protocolos sanitários. Convido a todos para que agendem suas turmas e venham fazer essa importante integração entre arte, cultura e educação”, afirmou Sheila Maluf, diretora-presidente da Diteal.

Para agendar uma visita, os representantes de escolas e instituições sociais devem entrar em contato por telefone (82) 3315-5660/ 98884-6885 ou pelo e-mail: escolasditeal@gmail.com. O agendamento e as visitas guiadas pelos monitores da Diteal são gratuitos.

Os alunos começaram a visita pelo Salão Nobre do Teatro Deodoro. Eram nítidos no olhar dos jovens a surpresa e o encantamento ao verem o lugar e ouvir sobre as suas histórias. Não teve espaço que não tenha sido fotografado e filmado por eles. Todos os protocolos sanitários foram seguidos, com uso de máscaras, utilização do álcool em gel, além do distanciamento social.

A gestora da escola Soraia Fidelis destacou a emoção dessa visita após tanto tempo de restrição por conta da pandemia. “Está sendo uma emoção muito grande, tanto para nós professores, quanto para os alunos, e é ainda maior por estarmos passando numa pandemia terrível. Nós queríamos trazer mais alunos, mas por conta das restrições só veio um pequeno grupo e dá para ver que eles estão muito encantados, assim como a gente”, ressalta.

A visita seguiu com os alunos no Teatro de Arena Sérgio Cardoso, espaço que esse completou 49 anos de história, no mês passado. Para muitos, essa foi a primeira experiência dentro de um teatro e eles puderam ver alguns detalhes que só os bastidores podem mostrar, como o palco, coxias e camarins.

Mas foi no centenário Teatro Deodoro, patrimônio cultural de Alagoas, com 110 anos, que algo de incrível aconteceu. Começou um burburinho em parte dos alunos, revelando que afloraram um sentimento e uma vontade de serem atores e atrizes, de subir nesse palco para suas apresentações.

“Hoje foi um dia produtivo, ouvimos comentários de alunos dizendo que querem ser artistas, talvez uma visão que antes eles não tinham, mas agora essa vontade despertou. Amamos a experiência, foi a nossa primeira vez aqui também e eu senti essa vontade, depois de conhecer o espaço, eu também quero ser atriz”, comemoram as professoras de artes Audaleia Silva e Claudivânia Marques.

A estudante Micakely Mirian, de 15 anos, falou da emoção de visitar o espaço. “Eu gostei muito da visita, são locais muito bonitos, eu não conhecia, nunca tinha vindo e quero vir mais vezes. Achei os detalhes maravilhosos e coisas antigas me atraem muito porque são tão bem feitas e tem detalhes tão ricos”, conta a aluna.

Muitas histórias acabaram surgindo, com alunas revelando que ser atriz era um sonho desde criança como a jovem Marcelly Lopes de 14 anos. “Desde pequena que sonho em ser atriz, quando entrei e subi no palco, me deu uma vontade maior ainda, imaginei eu aqui me apresentando, apesar de ter um pouco de vergonha, mas esse é um sonho, ser atriz e conseguir tudo que eu quero”, revelou a estudante com lágrimas nos olhos.

O sentimento de ser artista estava no ar já que as estudantes Jhoyce Marcela e Klicia Raysse, ambas de 15 anos, também revelaram que esse é um sonho delas que ficou ainda mais forte depois que subiram no palco. Elas contaram, ainda, que sempre assistiam às novelas e se imaginavam sendo várias personagens e uma delas ainda contou que se imaginou “livre” quando se viu no palco do Teatro Deodoro.

O coordenador da escola Eli Avelino destacou a importância de uma visita como essa depois de tanto tempo de restrição. “Eu fico muito feliz em estar aqui, essa foi a primeira aula extra classe depois desse período de restrição, nossa escola sempre valoriza as diversas manifestações culturais e os espaços que oferecem esses trabalhos, nós incentivamos os alunos a valorizar esses lugares também. Estar aqui hoje é um momento de muita alegria porque nós percebemos no olhar e nas expressões dos alunos a alegria de conhecer os teatros e todos os outros espaços”, conta Eli.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *