;

NOTÍCIAS

In:

Setembro Amarelo: Unidade de Saúde Sérgio Quintella realiza mobilização junto a usuários

Por Ana Cecília da Silva

A Unidade de Saúde da Família (USF) Sérgio Quintella, localizada no Conjunto Santa Lúcia, realizou, na manhã desta sexta-feira (17), uma oficina de sensibilização sobre a campanha do Setembro Amarelo junto aos usuários. Durante a atividade, os profissionais de saúde explicaram sobre os fatores de risco para o suicídio, distribuíram materiais informativos e falaram sobre as redes de ajuda disponíveis em Maceió.

A ação é uma parceria da USF, do Núcleo Ampliado de Saúde da Família, do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Sadi Feitosa de Carvalho e do Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil (Capsi) Dr. Luiz da Rocha Cerqueira.

Segundo Karla Rocha, diretora do Caps Sadi Feitosa de Carvalho, essa atividade é muito importante para mostrar aos usuários que estão passando por dificuldades e problemas emocionais que eles não estão sozinhos. “Hoje, queremos valorizar a vida, mostrar que vale a pena viver, mesmo diante das dificuldades. Também queremos que eles saibam que existem profissionais e serviços prontos para ajudá-los em Maceió”, destaca.

Karla Rocha, diretora do Caps Sadi Feitosa de Carvalho. Foto: Ascom SMS | Profissionais distribuíram materiais informativos e falaram sobre a rede de ajuda disponível em Maceió

A oficina teve início com uma dinâmica sobre respiração conduzida por Maria Ilma Bacelar, massoterapeuta que atua nos Centros de Atenção Psicossocial de Maceió. Nela, foi abordada a importância da respiração como forma de se reconectar consigo mesmo. “A intenção é que eles possam trazer esse exercício para o cotidiano, como forma de acalmar a mente em momentos difíceis”, explica.

Os profissionais do Caps Sadi apresentaram para os usuários da sala de espera da Unidade os principais fatores de risco para o suicídio, tendo como principais os transtornos mentais, psicológicos, sociodemográficos e as condições clínicas incapacitantes. “Entre as características mais comuns desse tipo de comportamento temos a depressão, a impulsividade e a sensação de desamparo. São sinais de alerta que nós devemos estar atentos para agir e prevenir, pois agir salva vidas”, afirma Karla.

Profissionais do Capsi Dr. Luiz da Rocha Cerqueira. Foto: Ascom SMS

Profissionais do Capsi Dr. Luiz da Rocha Cerqueira também participaram da ação e conversaram com os usuários sobre os sinais de alerta para o comportamento suicida em adolescentes. Além disso, eles apresentaram o serviço do Capsi para a população, seu funcionamento e como ter acesso ao serviço especializado, que atende crianças a partir dos quatro anos e adolescentes de até 18 anos.

População aprova a iniciativa

O usuário da USF Sérgio Quintella, Lucas Rafael, conta como a presença de profissionais de saúde foi decisiva em sua vida. “Levar esse debate para a sociedade é fundamental, principalmente entre os mais jovens, uma geração que não está mais deixando seus sentimentos debaixo do tapete, estão mais despertos para seus traumas, suas situações não resolvidas. Por isso a importância da cura, dos profissionais de saúde, do autoconhecimento, pois é graças a isso que estou aqui. Faz toda a diferença que a gente não se sinta só nesse momento”, relata.

Lucas Rafael, usuário da USF Sérgio Quintela. Foto: Ascom SMS

Serviços especializados disponíveis em Maceió

– Gerência de Atenção Psicossocial (Prédio sede da Secretaria Municipal de Saúde, no Centro) – (82) 3312-5466

– Caps Enfermeira Noraci Pedrosa (Jacintinho) – (82) 3312-5532

– Caps Dr. Sadi Feitosa de Carvalho (Chã de Bebedouro) – (82) 3312-5521

– Caps AD. Dr. Everaldo Moreira (Farol) – (82) 3312-5517

– Caps Dr. Rostand Silvestre (Jatiúca) – (82) 3312-5500

– Capsi Dr. Luiz da Rocha Cerqueira (Serraria) – (82) 3312-5540

Outros canais de atendimento

– Centro de Valorização a Vida (CCV) – Ligue 188

– Centro de Promoção à Saúde, Educação e Amor à Vida (Cavida) – 82 98879-2710 / 99941-0326 e 98891-0820.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *