;

NOTÍCIAS

In:

Déficit nominal do setor público soma R$ 25,014 bi em outubro, diz BC

O setor público consolidado registrou um déficit nominal de R$ 25,014 bilhões em outubro, conforme o Banco Central. Em setembro, o resultado nominal havia sido deficitário em R$ 42,018 bilhões e, em outubro de 2020, houve rombo de R$ 30,924 bilhões.

No mês passado, o Governo Central (Tesouro Nacional, Banco Central e INSS) registrou déficit nominal de R$ 27,866 bilhões.

Os governos regionais (Estados e municípios) tiveram saldo positivo de R$ 3,653 bilhões, enquanto as empresas estatais registraram déficit nominal de R$ 801 milhões.

O resultado nominal representa a diferença entre receitas e despesas do setor público, já após o pagamento dos juros da dívida pública.

No ano até outubro, o déficit nominal somou R$ 302,807 bilhões, o que equivale a 4,26% do Produto Interno Bruto (PIB). Em 12 meses até outubro, há déficit nominal de R$ 398,738 bilhões, ou 4,72% do PIB.

Gasto com juros

O setor público consolidado teve um resultado negativo de R$ 60,413 bilhões com juros em outubro, após esta rubrica ter encerrado setembro com um gasto de R$ 54,952 bilhões, informou o Banco Central.

Conforme o BC, o Governo Central teve no mês passado despesas na conta de juros de R$ 56,908 bilhões. Os governos regionais registraram gastos de R$ 2,968 bilhões e as empresas estatais, despesas de R$ 537 milhões.

No ano até outubro, o gasto com juros somou US$ 352,377 bilhões, o que representa 4,96% do PIB. Em 12 meses até outubro, as despesas com juros atingiram R$ 378,331 bilhões (4,48% do PIB).

Autor: Eduardo Rodrigues e Thaís Barcellos
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *