;

NOTÍCIAS

In:

Hemoal Arapiraca promove coleta de sangue em Craíbas neste sábado (29)

Por Josenildo Torres

Candidatos à doação de sangue devem ter no mínimo 50 quilos e 16 anos de idade

Em mais uma ação itinerante para atender a demanda transfusional dos hospitais e maternidades do Agreste e Sertão, a Unidade Arapiraca do Hemocentro de Alagoas (Hemoal) realiza coleta externa na cidade de Craíbas. A ação ocorre neste sábado (29), das 7h às 13h, na Praça Padre Cícero, localizada no bairro Centro.

Por meio desta ação, o Hemoal Arapiraca visa estabilizar o estoque de sangue do hemocentro. Isso porque, o órgão é o responsável por fornecer sangue e hemocomponentes para os moradores de 46 municípios da II Macrorregião de Saúde.

“Mantendo nossa missão de assegurar o abastecimento de sangue para todas as unidades públicas da II Macrorregião de Saúde, estaremos em Craíbas neste sábado. Contamos com a solidariedade dos moradores da cidade, maiores de 16 anos, que desejam ajudar a salvar vidas”, ressaltou a supervisora do Hemoal Arapiraca, a assistente social Aurélia Fernandes.

Critérios – E além de ter no mínimo 16 anos de idade e peso igual ou superior a 50 quilos, o candidato à doação de sangue deve estar portando um documento de identificação com foto. É exigido, ainda, que o voluntário esteja com boa saúde e usando máscara.

No caso de voluntários que já sejam doadores habituais, é necessário que a última doação de sangue tenha ocorrido há dois meses, no caso dos homens. Quanto às mulheres, o intervalo entre a última doação e a nova deve ser de três meses.

A doação de sangue é vetada permanentemente para as pessoas que tenham contraído doença de Chagas, Aids, sífilis e, após os 11 anos, hepatite. No caso das mulheres, há impedimento para aquelas que estejam grávidas ou amamentando. Caso o candidato tenha colocado um piercing ou feito tatuagem, maquiagem definitiva e micropigmentação, a doação de sangue só pode ocorrer após um ano.

Covid-19 – Caso o candidato à doação de sangue tenha sido infectado pelo novo coronavírus, há impedimento de doar sangue pelo período de 10 dias, contados após a recuperação. Mas, se o voluntário teve apenas contato com uma pessoa infectada e, nos sete dias subsequentes, não apresentou sintomas da Covid-19, pode se candidatar à doação de sangue.

No caso dos voluntários que tenham sido vacinados contra a Covid-19, é necessário aguardar um intervalo para doar sangue. No caso da vacina CoronaVac, a doação só deve ocorrer após 48 horas e, quanto aos imunizantes AstraZeneca, Pfizer e Janssen, o intervalo é de 7 dias.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *